Resumo em Português



Isabel Jurema Grimm
Doutora em Meio Ambiente e Desenvolvimento pela Universidade Federal do Paraná (UFPR) e pós-doutoranda em Gestão Urbana pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUC-PR).

Carlos Alberto Cioce Sampaio
Professor dos Programas de Pós-Graduação em Desenvolvimento Regional (Universidade Regional de Blumenau), Gestão Ambiental (Universidade Positivo) e Meio Ambiente e Desenvolvimento (Universidade Federal do Paraná).

Patrícia Betti
Mestre em Meio Ambiente e Desenvolvimento, Universidade Federal do Paraná.

Incubação de empreendimentos turísticos solidários para o desenvolvimento nas comunidades tradicionais em Guaraqueçaba (PR)

Promover o protagonismo de comunidades no processo de desenvolvimento do turismo local tem estimulado a constituição de incubadoras de empreendimentos solidários. Tal processo amplia a intervenção social, politica e econômica do poder público e fortalece a organização comunitária para responder as questões de geração de trabalho e renda, com base em experiências solidárias e cooperativas. Nesse artigo são analisadas as ações da Incubadora Tecnológica de Cooperativas Populares (ITCP/UFPR) no processo de formação da cadeia produtiva do turismo comunitário, em Barra do Superagüi, município de Guaraqueçaba, Paraná. Metodologicamente compõe-se de estudo de caso, com observação direta e entrevistas com gestores do projeto. Os resultados apontam indícios da incubação de empreendimentos turísticos contribuírem para fortalecer a comunidade local com vistas ao desenvolvimento territorial, e na articulação de ações do projeto com políticas públicas de economia solidária e do turismo, que surgem em comunidades, que desejam oferecer produtos, serviços e atrair visitantes.

Resumo em Inglês - Texto

Download PDF

Voltar